Anatomia de um Grande Scrum Master

Categorias Scrum

MÈTODOS E FERRAMENTAS ÁGEIS

Scrum Master ajudará a equipe Scrum para fazer todos os ajustes necessários no processo. O Scrum Framework é incompleto por natureza e é carente de práticas.

Sendo assim ele precisa entender de outras metodologias ágeis além Scrum para ajudar o Scrum Team em suas decisões. Por exemplo, para descrever itens de product backlog existem várias técnicas como ARO e User Story. Qual das duas faz mais sentido para o contexto atual?

A resposta para essa pergunta provoca no Scrum Master uma necessidade latente de sempre se atualizar e sempre buscar novas técnicas e métodos dentro do ágil para alterar o status quo que ele se encontra.

Como exemplo de disciplinas ágeis que um Scrum Master deveria ter alguma noção: Gestão de Projetos, Gestão de Produto, Gestão de Pessoas, Gestão de Risco, Engenharia de Software.

MÉTODOS E FERRAMENTAS NÃO ÁGEIS

Home_alone_macaulay_culkin_kevin_mccallister_boy_fear_shout_fright_346_1600x1200

Um bom Scrum Master possui conhecimentos sobre métodos e ferramentas que não ágeis. Sem esse conhecimento é difícil para o Scrum Master entender a dor das pessoas do uso ou o motivo de sua ineficiência.

Na maior parte dos casos o Scrum Master precisa saber quando usar ou não métodos e ferramentas não ágeis.

Para isso é importante que em algum momento da sua carreira ele tenha usado esse tipo de ferramenta ou busque esse conhecimento de alguma forma.

Outro ponto é que, dependendo do contexto, a melhor ferramenta ou método para um problema específico pode ser uma ferramenta ou método não ágil. Ou seja, abrir o PMBOK pode fazer muito sentido dependendo do contexto.

Como exemplo de disciplinas ágeis que um Scrum Master deveria ter alguma noção: Gestão de Projetos, Gestão de Produto, Gestão de Pessoas, Gestão de Risco, Engenharia de Software, Lean, Design Thinking.

PRINCIPAIS PONTOS

O Scrum Master precisa ter uma boa compreensão do framework Scrum e a capacidade de fazer com que outras pessoas percebam suas sutilezas, para que o Scrum Team execute bem o framework e consiga obter os resultados de negócio esperados.

Uma das maiores dificuldades deste profissional é entender quando ele deverá atuar como Coach ou como Mentor. Lisa Adkins tem um vídeo que mostra a diferença entre os dois.

Um leitor mais atento deve ter percebido a repetição de disciplinas nas sessões “Métodos e Ferramentas Ágeis” e “Métodos e Ferramentas Não Ágeis”. Isso ocorre pois para a maioria das disciplinas necessárias para desenvolver um software existe um equivalente no mundo ágil em relação ao tradicional.

Outra grande dificuldade é permanecer neutro na discussão em que o time eventualmente se encontrar.

E para que um Scrum Master não se perca na operação e se torne secretário do time, ele deve deixar claro ser deixada de forma clara a diferença entre problema e impedimento.

Faz sentido entrar em detalhes sobre cada um desses destes pontos em outros posts, um grande Scrum Master irá atrás de cada uma destas habilidades antes.

Se você não tem paciência para esperar, uma boa referência é este link.

Este artigo teve como base este outro artigo. Este artigo teve como base uma palestra de 2009.

Agile Coach and Mentor
Hoje sou Agile Coach com o objetivo de ajudar profissionais na transição para o mundo da agilidade. Trabalhei mais de 10 anos no Ecossistema Java e a mais de cinco anos com Scrum e Agilidade. Co-criador do agilidade.org. Professor universitário de pós-graduação e graduação na área de tecnologia por mais de 7 anos.
  • Olá Anderson, parabéns pelo post. Você colocou muito bem que na verdade estamos conectando pessoas com pessoas e que também não há bala de prata, temos que entender o cenário e usar as técnicas que mais fazem sentido.
    Um ponto que acredito ser mais importante que todos esses citados, é que na minha visão, temos que ser a cola do time com o problema e com as pessoas que receberão a solução. Ou seja, sempre conectar tudo com o problema que está sendo resolvido. Isso trás a tona qual a causa que estamos trabalhando, o nosso propósito e conecta de forma profunda com o que está fazendo, é assim que vejo os resultados incríveis acontecer.

    • Anderson Hummel

      Olá Cleiton
      Obrigado pela atenção com o post 🙂
      Eu tenho um sentimento parecido com o seu, é muito importante o ScrumMaster ter um fit com as necessidades do time.
      Essas necessidades variam de time pra time e temporalmente… consegui falar sobre essa cola usando outras palavras?